fbpx

Descubra como estruturar treinamentos eficazes que geram resultados reais com o Design de Jornada de Aprendizagem!

Logo da Escudo

Acidentes de trabalho: como a tecnologia ajuda na prevenção

Tecnologias como IoT e treinamentos por EaD tem auxiliado empresas na hora de conscientizar os trabalhadores e prevenir acidentes de trabalho.

Receba os conteúdos no seu e-mail

Você consegue se imaginar fazendo qualquer atividade do seu dia a dia sem o auxílio da tecnologia? Das máquinas a vapor até os smartphones e a internet, ela já mudou a forma como nos comunicamos e até mesmo como buscamos prevenir acidentes de trabalho.    

    

Leia mais:     

    

É tanta mudança que é difícil se imaginar passando um dia inteirinho sem usar qualquer tipo de tecnologia, né? E a verdade é que nem precisamos, uma vez que a tendência é que ela faça cada vez mais parte do nosso dia a dia, ajudando a solucionar problemas, superar desafios e otimizar atividades.    

Todas as áreas das empresas podem se beneficiar dela, inclusive na prevenção de acidentes de trabalho, sendo um auxílio as rotinas de SST. Desta forma, oferecer treinamentos obrigatórios aos colaboradores de seus clientes, pode ser bem mais eficaz usando a tecnologia como aliada.     

As principais causas de acidentes de trabalho no Brasil    

Segundo o Observatório Digital de Saúde e Segurança do Trabalho, entre 2012 e 2018, o Brasil registrou mais de 4,26 milhões de acidentes de trabalho. Além disso, só nos últimos anos o número de colaboradores afastados do posto por doenças ou lesões relacionadas ao trabalho aumentou em 25%.    

Portanto, fora os óbvios riscos a saúde e integridade física dos trabalhadores, o acidente de trabalho também vem com altos custos para os empregadores. E dentre as principais causas, nós temos:    

  1. Quedas em altura: a mais comum em diferentes setores, sua causa e gravidade pode variar desde inadequações do local de trabalho até imprudências por parte do colaborador. 
  2. Ferramentas inadequadas: um acidente de natureza física que, muitas vezes, é causado pelo mau estado de conservação das ferramentas ou inexperiência do colaborador em seu manuseio, por exemplo.  
  3. Movimentos repetitivos: as mais comuns são as Lesões por Esforço Repetitivo (LER) e os Distúrbios Osteomusculares Relacionados ao Trabalho (DORT), além de possíveis problemas respiratórios. 
  4. Choques elétricos: esse tipo de acidente é comum para quem trabalha com manutenção predial, construção civil e nas rotinas de fábricas. 
  5. Não uso de EPIs adequados: certos ambientes e situações exigem o uso de EPIs (equipamentos de proteção individual) e mesmo EPCs (equipamentos de proteção coletivo) e o uso incorreto (ou não uso) deles pode acarretar acidentes e mortes.    

Por isso, a capacitação, prevenção e conscientização dos colaboradores de uma empresa é a forma mais fácil e eficaz de garantir a segurança de todos. E a tecnologia é uma grande facilitadora, para que você possa entregar uma solução inteligente e flexível em treinamentos normativos aos seus clientes.    

 

   

3 ferramentas tecnológicas que auxiliam a área de SST na prevenção aos acidentes de trabalho    

Agora que você já conhece algumas das causas mais comuns de acidentes de trabalho, vamos falar sobre a prevenção deles. Um ponto importante a se ter em mente nessa hora é que mesmo que os números estejam baixos, eles podem melhorar.     

O ideal seria que acidentes de trabalho não acontecessem, ponto. Mas sabemos que entre o mundo ideal e a realidade existe uma grande diferença. É exatamente por isso que a tecnologia é importante na prevenção de acidentes, não só para os colaboradores como também auxiliando a rotina de gestores da área de SST.  

Além disso, o cumprimento das normatizações é obrigatório, deixar de cumprir a legislação traz consequências sérias como multas e até interdições do local.  

Sendo assim, no contexto em que estamos vivendo faz mais sentido investir na tecnologia ao nosso favor. Afinal, ela está aí para ser usada como auxílio, inclusive na prevenção de acidentes de trabalho 

Listamos 3 ferramentas tecnológicas que trazem vantagens para prevenção de acidentes, conheça:   

1 – Internet das Coisas (IoT)    

A IoT vem ganhando cada vez mais espaço. Especialmente para os trabalhos com máquinas e ferramentas, uma vez que oferecem riscos a saúde ou segurança dos colaboradores.    

Isso porque ela usa o Bluetooth para acompanhar e mostrar o status de ferramentas e equipamentos em tempo real para o trabalhador e gestor, já que o aplicativo e os hardwares conversam entre si.    

Dessa forma, o IoT ajuda na prevenção em tempo real com alguns recursos como:     

  • Atualizações remotas que permitem que os dados de saúde do trabalhador estejam sempre protegidos e criptografados;    
  • Análises preventivas que emitem alertas imediatos ao identificar condições perigosas e, também, apontam áreas de melhoria com o tempo;    
  • Consciência contextual que permite a análise de contextos como posição geográfica, mapas do local de trabalho e dados de saúde individual de cada trabalhador.    

Além disso, vale lembrar que esses são apenas alguns dos recursos da Internet das Coisas e que essa tecnologia pode variar de acordo com a necessidade de demanda de cada cliente.    

2 – Drones    

Há um tempo a ideia de usar Drones parecia ter saído de filmes de ficção científica, não é? Mas hoje eles são a realidade de muitas empresas. Além disso, uma realidade que, inclusive, vem aumentando a cada ano.    

A ideia é que os Drones possam executar atividades com mais riscos, evitando, assim, expor os trabalhadores. Por exemplo, caso seja necessário recolher algum dado de locais muito quentes, frios ou de difícil acesso, a máquina pode executar. Dessa forma, faz a coleta e a entrega da informação em tempo hábil e, ainda, reduz o risco de acidentes.    

3 – Simuladores, Realidade Virtual e Aumentada    

Outras tecnologias que parecem ter saído direto de um filme de ficção científica são os Simuladores, a Realidade Virtual (VR) e a Realidade Aumentada (AR). Assim, a ideia é que elas possam criar experiências reais em ambientes virtuais, gerando maior segurança aos alunos.    

Além disso, todas essas ferramentas podem ser usadas durante as capacitações obrigatórias. Assim, tanto os treinamentos remotos como os semipresenciais podem usar tecnologias para treinar seus colaboradores em ambientes seguros, onde o erro não coloca em risco a integridade física deles.    

Aliás, ao utilizá-las é possível permitir que o colaborador aprenda com os próprios erros. Isso porque tanto AR, VR e outros simuladores oferecem uma experiência gamificada com feedbacks imediatos.    

Dessa maneira, os alunos focam na execução correta da tarefa, não no erro, e absorvam melhor o conhecimento. Além disso, uma boa capacitação é essencial para conscientizar e prevenir acidentes de trabalho.    

A tecnologia do Sistema Escudo como sua auxiliar    

Percebeu como usar recursos tecnológicos pode facilitar na prevenção de acidentes de trabalho? Afinal, o mundo está em constante evolução, porque não extrair as vantagens da tecnologia para nossa rotina?    

Por isso a área de SST não precisa e nem pode ficar de fora dessa. Além disso, aqui no Sistema Escudo, acreditamos na tecnologia como auxiliar para a educação corporativa e prevenção, conscientização e manutenção da saúde e segurança dos trabalhadores.     

Afinal, a melhor forma de prevenir acidentes, é capacitando os colaboradores. Exatamente por isso, os treinamentos normativos existem e são obrigatórios pela legislação. Eles exigem os requisitos mínimos para que as atividades possam ser realizadas, prezando pela vida do trabalhador.  

No Sistema Escudo, fazemos uso de simuladores para que você possa oferecer aos seus clientes treinamentos modernos, flexíveis e seguros. De forma que os colaboradores deles tenham uma experiência de aprendizagem cada vez mais próxima da real, em um ambiente controlado e seguro. Além disso, o funcionário aprende com os próprios erros, pois oferecemos uma experiência gamificada com feedback imediato.    

Investimos nas melhores tecnologias para oferecer cada vez mais vantagens para as rotinas de SST. Oferecendo aos treinamentos obrigatórios recursos tecnológicos como, por exemplo: 

  1. Simuladores; 
  2. Jogos em realidade virtual; 
  3. Treinamentos 100% interativos; 
  4. Relatórios personalizáveis.
     

Tenho certeza que você está pronto para oferecer aos seus clientes uma plataforma moderna, eficiente e muito tecnológica! Preencha o formulário abaixo e fale com um de nossos especialistas. Estamos esperando por você:    

Mais de 15 mil pessoas já se inscreveram

Receba os conteúdos no seu e-mail

Veja mais posts

Seguindo os passos de Planejamento, Execução, Verificação e Ação, é possível identificar...
Todos os trabalhadores estão sujeitos aos riscos ambientais, por isso é importante...
Descubra tudo sobre a NR15 e suas implicações legais para garantir a...

Entre em contato conosco

Preencha o formulário e um dos nossos especialistas entrará em contato com você para falar mais sobre as nossas soluções.