fbpx

Descubra como estruturar treinamentos eficazes que geram resultados reais com o Design de Jornada de Aprendizagem!

Logo da Escudo

O papel de SST na saúde mental do trabalhador

O ambiente de trabalho impacta diretamente a saúde mental do trabalhador. E para a OMS uma boa condição mental vai além da ausência de doenças mentais. É também um estado de bem-estar no qual o indivíduo é capaz de se recuperar de estresse rotineiro, ser produtivo e contribuir com a comunidade.

Receba os conteúdos no seu e-mail

Quando ouvem falar em SST, algumas pessoas podem imaginar logo de cara um acidente de trabalho, aquele que provoca danos físicos. No entanto, devemos lembrar que a saúde mental do trabalhador também é essencial para um ambiente ocupacional sadio.  

  

Leia mais:  

  

Afinal de contas, as pessoas passam bastante tempo no ambiente de trabalho. E apesar disso, uma pesquisa feita através do Linkedin, apontou que 70% dos brasileiros afirmam que as empresas não sabem lidar com a saúde mental do trabalhador. E doenças como a depressão, ansiedade, burnout, por exemplo, estão no ranking de maior incidência.   

Dito isso, surge a importância de abordarmos esse assunto quando falamos de saúde e segurança do trabalho. Pois através dela é possível promover ações de melhoria para equilibrar esse problema de saúde pública. Além disso, a terceira maior causa de afastamentos se dá por causa dos transtornos mentais. E como o SST pode colaborar para melhorar a saúde mental do trabalhador? Acompanhe essa leitura.   

O impacto da saúde mental do trabalhador nas empresas brasileiras  

O ambiente de trabalho tem passado por muitas transformações nos últimos anos, assim como em toda sua existência. No entanto, nas últimas décadas essa mudança envolve novas tecnologias, competitividade, concorrência e cobranças cada vez maiores, por exemplo.   

No Brasil a depressão é a principal causa de pagamento de auxílio-doença não relacionado a acidentes de trabalho. Sendo 30,97% e 17,9% para transtornos ansiosos. Nesse sentido, os motivos que afetam a saúde mental do trabalhador são muitos, alguns exemplos são:  

  • Jornadas exaustivas;  
  • Estresse;  
  • Evento traumático;  
  • Assédio moral e sexual;  
  • Discriminação;  
  • Metas abusivas.  

Segundo dados da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho, em 2020 foram mais de 576 mil afastamentos decorrentes de transtornos mentais e comportamentais. Ou seja, uma alta de 26% comparada ao ano de 2019. Dessa forma, essas informações só reforçam a importância de enfrentar esse desafio em conjunto por trabalhadores e empregadores.   

A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que depressão e ansiedade são transtornos que afetam 264 milhões de pessoas no mundo. Além disso, tem um impacto econômico significativo estimado em US$1 trilhão por ano em perda de produtividade.   

Ainda segundo a OMS, um ambiente de trabalho saudável, sobretudo é aquele que promove a proteção da saúde, segurança e bem estar de todos.   

 

Qual o papel da segurança do trabalho sobre a saúde mental do trabalhador    

É um fato: faltam empresas com cultura de apoio psicossocial. Segundo pesquisa da Saúde Mental em Foco, as organizações brasileiras não investem na saúde mental do trabalhador. Em outras palavras, os dados apontam que 47% delas não adotaram qualquer tipo de ação com o cuidado psicológico após a pandemia. 

Acima de tudo, o ambiente de trabalho impacta diretamente a saúde mental do trabalhador. Nesse sentido, para a OMS, uma boa condição mental vai além da ausência de doenças mentais. É também um estado de bem-estar no qual o indivíduo é capaz de se recuperar de estresse rotineiro, ser produtivo e contribuir com a comunidade.  

Da mesma forma, a saúde mental também impacta diretamente o trabalho. Uma vez que pode levar a perda de produtividade, afastamentos e aposentadoria precoce, por exemplo.  

Por isso, a saúde mental deve ser um tema constantemente abordado dentro das empresas. Em outras palavras, deve fazer parte da medicina ocupacional das organizações.  

Por exemplo: um ambiente de trabalho cheio de ruídos, interrupções e situações estressantes são capazes de causar cansaço mental, risco de acidentes pela falta de atenção e chances de desenvolver doenças mentais.  

Dito isso, é importante avaliar os riscos do ambiente ocupacional, bem como diagnosticar os fatores que podem estimular o desenvolvimento de problemas na saúde mental do trabalhador.  

Tudo está relacionado, por isso, quando falamos em segurança do trabalho, também estamos falando da saúde mental do trabalhador. Então, estimule suas empresas clientes a envolver os trabalhadores em atividades laborais, palestras e rodas de conversa para prevenir doenças psicossociais.  

Abril Verde e a saúde mental do trabalhador   

Provavelmente você, prestador de serviço em SST, já ouviu falar em Abril Verde, certo? Em resumo, é uma campanha de conscientização para empregados e empregadores sobre a segurança no ambiente de trabalho. É realizada durante todo o mês e é comemorada no dia 28.  

A partir de 2021 a campanha passou a abordar com mais ênfase a saúde mental do trabalhador. Uma vez que os índices de doenças psicossociais aumentaram após a pandemia.  

Então, incentive as empresas a promoverem ações positivas para a saúde mental do trabalhador e colaborar assim com, por exemplo: 

  • Satisfação; 
  • Motivação; 
  • Produtividade; 
  • Boas relações no trabalho; 
  • Diminuição do estresse. 

As suas empresas clientes podem colaborador da seguinte forma:  

  • Oferecer acompanhamento psicológico; 
  • Capacitar líderes e gestores para identificarem previamente sinais de doenças psicossociais; 
  • Promover campanhas internas; 
  • Promover momentos de relaxamento, bem como exercícios; 
  • Valorizar e reconhecer profissionais. 

Em resumo, o tema saúde não abrange apenas a ausência de doenças, mas também os elementos físicos e mentais. Estes que estão diretamente relacionados à medicina e segurança do trabalho.    

O SST tem responsabilidade na saúde mental do trabalhador 

Espero que você tenha compreendido a importância de darmos a devida atenção para a saúde mental do trabalhador. Afinal, ela não afeta somente o profissional como também as empresas. Então, usar as ações de saúde e segurança do trabalho é uma ótima forma de promover um ambiente ocupacional sadio e seguro, onde os profissionais se sintam à vontade para demonstrar vulnerabilidades e assim buscar ajuda.  

Dessa forma, é papel de todo profissional de SST pensar em ações positivas para a saúde mental do trabalhador, e ir muito além do Abril Verde ou Setembro Amarelo, levando essa prática dia após dia. E assim desenvolver ambientes ocupacionais saudáveis, que contribuem não apenas para a produtividade como também para proteção, segurança e bem-estar de todos os funcionários. 

Para aprender ainda mais sobre o papel da segurança do trabalho na saúde mental do trabalhador, te convidamos a assistir o vídeo abaixo sobre o Abril Verde e o papel dos prestadores de serviço em SST. 

 

Mais de 15 mil pessoas já se inscreveram

Receba os conteúdos no seu e-mail

Veja mais posts

Um guia detalhado que aborda todas as partes da NR-22, incluindo requisitos...
Seguindo os passos de Planejamento, Execução, Verificação e Ação, é possível identificar...
Todos os trabalhadores estão sujeitos aos riscos ambientais, por isso é importante...

Entre em contato conosco

Preencha o formulário e um dos nossos especialistas entrará em contato com você para falar mais sobre as nossas soluções.